★★★★
★★★
★★
★★★★★
★★★★
★★★★
★★★★

5 de agosto de 2017

(Review 147) - A Rainha de Tearling

33856569The Queen of Tearling
Erika Johansen

Fantascy / Suma de Letras / Harper

1/3 de The Queen of Tearling
1. A Rainha do Tearling
2. A Invasão do Tearling
3. El Destino del Tearling

496 Páginas
 Fantasia / Romance / Juvenil 


*** Para leer esta reseña en Español, haz click AQUI
Quando a rainha Elyssa morre, a princesa Kelsea é levada para um esconderijo, onde é criada em uma cabana isolada, longe das confusoes políticas e da história infeliz de Tearling, o reino que está destinada a governar. Dezenove anos depois, os membros remanescentes da Guarda da Rainha aparecem para levar a princesa de volta ao trono - mas o que Kelsea descobre ao chegar é que a fortaleza real está cercada de inimigos e nobres corruptos que adorariam vê-la morta. Mesmo sendo a rainha de direito e estando de posse da safira Tear - uma jóia de imenso poder -, Kelsea nunca se sentiu mais insegura e despreparada para governar. Em seu desespero para conseguir justiça para um povo oprimido há décadas, ela despera a fúria da Rainha Vermelha, uma poderosa feiticeira que comanda o reino vizinho, Mortmesne. Mas Kelsea é determinada e se torna cada dia mais experiente em navegar as políticas perigosas da corte. Sua jornada para salvar o reino e se tornar a rainha que deseja ser está apenas começando. Muitos mistérios, intrigas e batalhas virão antes que seu governo se torne uma lenda... ou uma tragédia. 
 Resenha:  


A Rainha de Tearling é mais um livro que desde a sua publicação estava desejando ler. No entanto, acho que o escolhi em um mal momento porque, em meio à uma ressaca leitora que não me permitia ler mais do que 20 páginas por dia, esse livro me custou a eternidade até terminar. Não o culpo... A história é muito boa. Se trata de uma fantasia original, com uma protagonista forte e uma ambientação impressionante. Os capítulos finais li em um instante e me impressionou bem. Seguramente, se não fosse por essa ressaca leitora que experimento de momento, o teria terminado em pouquíssimos dias. 

A história tem um certo ar medieval, embora a sua época correta não seja detalhada. Se fala sim bastante do período da Travessia, quando William Tear descobriu o Tearling, um novo mundo, aonde ele recomeçou uma nova sociedade. Dá-se a impressão de que poderia tratar-se de tempos bem remotos... No entanto há elementos modernos que chamam a atenção na história, fala-se do continente americano (o que indica tratar-se de um tempo posterior ao descobrimento da América) e outros fatos também deixam entender que a história se passa em tempos bem mais recentes do que o imaginado de princípio.

Kelsea é uma moça de dezenove anos que não teve uma infancia normal. Sua única companhia foi a de um casal de idosos, Carlin e Barty, que a ensinaram tudo o que precisava para um dia herdar o trono do Tearling. Kelsea é a única herdeira da rainha Elyssa, a última governante do Tearling e a história justamente começa quando Kelsea recebe a notícia de que chegou o momento de assumir o trono e expulsar de uma vez o seu tio corrupto, Thomas, que desde a morte de Elyssa tem governado na condição de regente. 
Logo, Kelsea descobrirá que as coisas não são nada fáceis e que os inimigos secretos que possuí são muito mais numerosos e perigosos do que seus inimigos declarados. E quando uma guerra contra a nação vizinha, os poderosos Mort e sua perversa rainha parece estar cada vez mais perto, Kelsea deverá encontrar a força e o valor que precisa para ser a rainha que todos esperam e ainda assim sobreviver. 

A Rainha de Tearling é um livro que de imediato me chamou a atenção por sua linguagem, muito mais adulta do que qualquer outra fantasia juvenil que eu já havia lido. A autora fala sem pudores de temas que geralmente são ignorados em outras histórias, e seus personagens podem ter algumas atitudes bastante inesperadas. Sem dúvidas, Erika Johansen conseguiu tratar sobre temas diferentes nesta primeira parte e, surpreendemente, o faz sem tornar-se cansativa ou pesada. Aqui teremos à uma Armada Especial que perseguirá homossexuais, teremos uma Igreja poderosa e corrupta, dividida entre líderes nefastos e sacerdotes leais, teremos uma vilã que não apenas chama a atenção por sua já esperada crueldade, mas também por sua inteligência aguda, já que a autora nos dá a oportunidade de, em alguns parágrafos, conhecer alguns de seus pensamentos. E, por último mas não menos importante, teremos a uma protagonista tão intrigante quanto cada um dos malvados apresentados. Kelsea em princípio não se destaca muito, pode até se parecer à outras protagonistas de outras distopias, no entanto, capítulo após capítulo vai evoluindo, se convertendo não apenas em uma rainha hábil, mas também cruel, se necessário. 

Eu gostei de conhecer essas dualidades de Kelsea, um personagem que deverá lidar com um grande acúmulo de poder nas mãos e, ao mesmo tempo, assume ao leitor as suas inseguranças, se mostra em momentos como ainda uma menina, ao admitir que sente feia, por exemplo. E quando a personagem demonstra as suas fraquezas, ela nunca o faz de maneira surreal, mas sim de forma madura e sutil, sem deixar-nos perder a paciência. Eu gostei dela porque reconhece seus pontos fracos, mas não permite que essas fraquezas se tornem maiores do que sua força e desejo de seguir adiante. Tem uma personalidade fascinante e os outros personagens secundários ao redor tampoco ficam atrás. A Guarda Real por exemplo, toda composta por homens mais velhos, com traumas, vícios, e muitas vitórias, parece em princípio ter aceitado o inevitável: a derrota. Porém, pouco a pouco, se convertem em um verdadeiro escudo, e através de suas batalhas, conduzirão o leitor pelas terras vastas do Tearling, uma nação castigada pela escravidão e pela mediocridade de seus governantes anteriores. 
A narrativa de Erika Johansen alterna entre alguns personagens, porém no geral vai mais focada em Kelsea, embora possamos conhecer os pontos de vista de seu tio, da Rainha Vermelha a sua grande rival, e até mesmo de alguns dos guardas que adquirem um certo grau de importancia na trama, por suas atitudes ou omissöes.

Algo que não gostei no livro é que ele me pareceu um pouco largo demais para a história aprensentada, e os seus capítulos (que chegavam à mais de 30 páginas por capítulo) me pareceram eternos. Eu não gosto de livros de capítulos muito grandes e a leitura ficou bem cansativa talvez por causa disso, além de que algumas descriçoes do Tearling e do palácio me deixaram mais desanimada ainda. 
Começamos a história bem à cegas, já que Kelsea não tem idéia de nada do que lhe espera, e embora haja sido treinada para ser rainha, ela pouco sabe sobre a situação real de seu reino, e quem são seus inimigos, e deverá descobrir pouco a pouco, vivenciando tudo na própria pele. E o leitor terminará por descobrir junto à personagem cada um destes detalhes. 

Eu gosto desse ar de mistério que há na história, no entanto, fiquei com a sensação de que a autora dá voltas demais para finalmente nos revelar alguma coisa concreta, me parece que se passam várias páginas até que alguma coisa realmente aconteça e, tudo isso, somado à minha ressaca leitora, não deixaram a leitura fluir. 
Mesmo assim, já tenho em mãos a segunda e a terceira parte da trilogia e espero pronto saber como seguirá a história, já que os elogios que escuto são muitos e realmente a escrita da autora parece evoluir até o final, além de que essa linguagem mais madura, adulta e centrada me agradou bastante.

33236001

Imagen relacionada

Imagen relacionadaErika Johansen cresceu em uma área pertencente à bahía de San Francisco. Frequentou a Swarthmore College, ganhpu um MFA por meio de uma associação de escritores da Iowa Writers’ Workshop, e eventualmente também se formou e exerce como advogada, porém admite que nunca quer deixar de escrever. 


Web Page Oficial: https://www.harpercollins.com/cr-107550/erika-johansen






Nos leemos,

Beijokas...

Alice

31 comentarios:

  1. Oi Alice,
    Desde quando soltaram a notícia de que Emma Watson iria produzir essa adaptação, o livro entrou para minha lista de desejados.
    NECESSITO!!!!!
    beeeijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  2. Eu super quero ler esse livro já tem muito tempo, mas tenho medo de não dar conta pela ressaca literária que me persegue tem muito tempo também haha Lendo a sua resenha super percebi que essa densidade da história pode me levar a desistir dele e eu não queria haha mas com a adaptação se encaminhando, talvez seja o momento de dar uma chance. A sua resenha está incrível! <3

    Beijoks,
    thereadingseason.com

    ResponderEliminar
  3. Oi, Alice.
    Vi tantas resenhas sobre a obra mas nunca parei para ler porque a capa não me interessou, mas fiquei eufórica com sua resenha, parece ser uma história que realmente me chamaria atenção se eu ao menos me preocupasse em procurar saber mais. Vou anotar aqui para ler o livro depois.
    Beijo
    http://www.leitoraencantada.com/

    ResponderEliminar
  4. Oi Alice, tudo bem? Eu tenho lido comentários positivos desse livro e uma colaboradora do blog leu e gostou tb. Agora a questão de ser grande demais desnecessariamente, infelizmente, parece que até tá virando moda! rsrsrsrs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderEliminar
  5. Wow, your blog is amazing! I love it! xx
    Would you like to follow each other? If yes, please follow me on the my blog and let me know in the comments of my newest posts.
    I would be a glad! <3

    I following you!#135
    Have a great day!

    www.cleopatrassecret.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. Oi, Alice!
    Super entendo o que falou sobre a leitura emperrar em meio a uma ressaca literária. Estou há semanas lutando com um livro de pouco mais de 200 páginas, mesmo ele sendo bom. Sobre sua resenha, gosto muito de personagens femininas fortes, que bom que elas andam em alta ultimamente! Pena esses capítulos tão longos... Eu também não curto e isso às vezes emperra ainda mais a leitura.

    Beijos, Entre Aspas

    ResponderEliminar
  7. Oi, Alice!
    Menina, eu achava que esse livro era mais do mesmo, mas muitas amigas me indicaram horrores.
    Só não curti esses capítulos longos demais.. mas se a história for boa, creio que valha a pena.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Concorra ao livro Depois do Fim autografado

    ResponderEliminar
  8. Oi Alice! Este é um livro que vi dividindo opiniões e só conferindo vou saber se vai me impressionar. Capítulos longos travam bastante a leitura pra mim, mas vou arriscar.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderEliminar
  9. Gostei da resenha Alice. Me pareceu ser uma distopia interessante, além de abordar temáticas bem delicadas e complexas. Entretanto, ainda não estou 100% instigada a ler o livro. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderEliminar
  10. Olá...
    Adorei sua resenha!
    Assim como você, desde que a editora lançou essa obra estou mega ansiosa para realizar essa leitura!
    Sua resenha me animou ainda mais a ler e espero poder ler em breve ;)
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  11. Olá, Alice.
    Eu amei esse livro. A protagonista ser diferente de "perfeita" já me conquistou logo de cara. É uma pena que você leu ele em um momento errado. Eu devorei ele em dois dias e não vejo a hora de ler as continuações.

    Prefácio

    ResponderEliminar
  12. Esse livro entrou para minha lista quando minha amiga leu e amou e também disse que iria adorar!! Adoro fantasia!! Louca para ler!! Gostei da resenha!!
    Beijos

    https://littlegirlreader.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  13. Oi Alice, tudo bom?
    Eu dei um pouco pra trás com esse livro por alguns comentários gringos que vi a respeito da história. Vi muitos elogios por aqui e por lá também, mas ainda assim me segurei.
    Capítulos longos, apesar de serem comuns em Fantasia, eu não aguento maaaaaais. E olha que escrevo ficção fantástica!
    Mas adoro uma protagonista que não se encaixa exatamente em um perfil ou personalidade, personagem cinza melhor coisa de se ler nesse gênero <3
    Ótima resenha.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderEliminar
  14. Oi Alice, tudo bem??

    Confesso que não me empolguei muito com o enredo da história. Eu achei super válido a sua opinião e sua sinceridade. Pena estar com uma ressaca literária, se poderia ter aproveitado melhor a leitura. Xero!

    https://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  15. Não conhecia esse livro, mas fiquei encantada com o enredo e adoraria conhecer essa história melhor. Sua resenha ficou ótima!
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com/2017/08/resenha-do-filme-o-espaco-entre-nos.html

    ResponderEliminar
  16. Ei Alice, quero muito ler essa série. Parece ser ótima.
    Também não gosto de capítulos muito grandes, prefiro os mais curtos,
    até porque quando a gente cansa, tem que continuar a ler até o capítulo acabar
    pra fechar o livro. Rs... Horrível forçar a leitura.

    Beijos
    Literatura Estrangeira

    ResponderEliminar
  17. Oi Alice!
    É uma pena quando terminamos uma leitura com essa sensação de que se a tivéssemos feito em outro momento poderíamos ter aproveitado mais. Já aconteceu comigo também.
    É mesmo irritante quando o livro parece ter mais paginas do que o necessário, mas a história parece ter bons elementos.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderEliminar
  18. Oie Alice =)

    Esse é aquele tipo de livro que fico na dúvida se dou ou não uma chance. Li resenhas super positivas dele, mas embora as opiniões sejam boas eu fico com aquela sensação que a história é meio que o mais do mesmo. Ainda mais quando essa passa a impressão que o autor "enrola" para finalizar a história.

    Talvez eu dê uma chance no futuro para poder tirar minhas própriasBeijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ps: Reparei que você deu uma sumidade mesmo... e de verdade ao longo desses meus quase oito anos de blog estou um pouca cansada de ver gente boa ficando no meio do caminho =( Eu mesma já pensei em desistir do blog várias vezes e nos últimos tempos meu animo com tudo que envolve esse universo está quase zero. Só continuo por que gosto de compartilhar meu amor por livros. No fim isso é o que fala mais forte. Não suma de novo viu ;)


    ResponderEliminar
  19. Oi, Alice!

    Gosto muito de livros de fantasia, e a sinopse desse havia me interessado. Porém, odeio livros cuja narrativa é detalhada demais e os capítulos são muito longos, então acho que no fim das contas eu não gostaria dele tanto assim, kkkkkk.

    Beijos,
    Isadora.
    viciadas-em-livros.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  20. Oi
    que bom que gostou apesar de ter lido em um momento errado e que o livro é diferente comparado a alguns do gênero, os temas que são retratados dele e chamou minha atenção.
    Adorei a resenha, mas uma coisa que não me agrada nesse livro é a fonte do nome dele na capa.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  21. Oi, Alice!
    Eu tenho bastante curiosidade com esse livro, desde que lançou, assim como você tinha! Estou esperando a oportunidade de adquiri-lo, mas espero conseguir lê-lo em um bom momento :D
    Acho que esse ar medieval é o que mais me faz ter vontade de conferir a história haha
    Beijoss
    www.vidaemmarte.com.br

    ResponderEliminar
  22. Oi Alice,

    Confesso que não gosto muito de histórias meio paradas e com capítulos muito extensos, mas por se tratar de uma fantasia, está na minha lista futura para ler.
    Espero que eu goste.
    Bjs
    http://diarioelivros.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  23. Oi Alice,

    Tudo bom? Menina, também demorei uma eternidade para ler, e o pior é quando fazia pausas eu não tinha vontade de pergar novamente.. :(
    Te indiquei numa Tag no blog.. ;)

    Beijos Mila
    Daily of Books

    ResponderEliminar
  24. Olá, tudo bem? Amei conhecer seu blog e encontrar essa resenha maravilhosa, gostei muito :D

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  25. Oie
    Eu estou bem curiosa por este livro, mas ainda não sei se o lerei. Ai, eu odeio quando a leitura não rende, às vezes não é o momento para aquela leitura.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
  26. Oi Alice!
    Tenho curiosidade sobre esse livro, mas agora que você disse que é trilogia, vou esperar publicar os outros. Não gosto de ler e depois demora anos pra sair a continuação, porque esqueço tudo.

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderEliminar
  27. Oi Alice, tudo bem!
    Ainda não conhecia o livro, mas a trama em si não me atraiu, sem falar que não gosto de capítulos muito longos, então acredito que essa trilogia não me agradaria.

    *bye*
    Marla Almeida
    http://loucaporromances.blogspot.com.br


    ResponderEliminar
  28. OI, Alice!
    Não conhecia o livro, mas apesar dos capítulos longos, eu gostei bastante da ideia da história e já coloquei na minha lista de leituras. ^^
    Beijo

    Canastra Literária | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  29. Oie Alice, tudo bem?
    Olha, esse livro nunca tinha chamado a minha atenção, mas agora, ao ler a sua resenha, me interessei muuito! A temática é bem a minha cara, e gosto que tenha uma pontinha meio medieval! Já vai para a lista de desejados com certeza :)
    Adorei a sua resenha!

    Com Carinho,
    Ana | Blog Entre Páginas
    www.entrepaginas.com.br
    CONCORRA A UM EXEMPLAR DE "AS TUMBAS DE ATUAN" - https://goo.gl/SmjGCh

    ResponderEliminar
  30. Hey, Alice!
    Ai, capítulos longos demais ninguém merece viu? Sempre tornam a leitura cansativa. Também não gosto disso e sempre atrapalha o meu ritmo de leitura. E embora eu tenha lido algumas resenhas que me desanimaram um pouco, ainda quero lê-lo. Fico feliz que apesar de tudo, você tenha gostado da história. Sua resenha me animou novamente. Principalmente em se tratando de uma fantasia com esse ar medieval e com uma escrita adulta. Vou parar de enrolar e ler de uma vez! rs.
    Mil beijokas - Entre um Livro e Outro

    ResponderEliminar
  31. Oi, Alice!
    Gostei muito da sua resenha, não sei se sou alienada, mas ainda não tinha ouvido falar desse livro. Por ter ares de era Medieval eu fiquei curiosa, mas confesso que também não curto capítulos muito longos. Mas vai pra lista, quem sabe quando eu estiver no momento.
    Beijão <3
    sejacult.com.br

    ResponderEliminar